Sobre

O Programa Integrar é a plataforma de investimentos sociais da Kinross. Por meio dele, há nove anos são executadas ações com foco no desenvolvimento sustentável em Paracatu – MG. Dividido em quatro eixos (Educação, Meio Ambiente, Cultura e Geração de Trabalho e Renda), o Programa incentiva a criatividade, promove o resgate de tradições, educação patrimonial, estimula ações de conscientização e educação ambiental e engaja públicos potenciais para o fortalecimento econômico, através de geração de trabalho e renda. Para saber mais sobre o Programa Integrar, acesse http://www.kinross.com.br/project/programa-integrar/.

Em 2020, o objetivo é somar esforços à comunidade paracatuense no enfrentamento à pandemia causada pelo novo coronavírus e aos seus impactos nos processos educacionais, culturais, econômicos e ambientais no município por meio da edição do Programa Integrar Contra a Covid-19.

Após a realização de um diagnóstico com as principais lideranças da cidade, desenhamos um amplo projeto que tem como objetivo o diálogo e a articulação entre as diversas entidades da sociedade civil, poder público e iniciativa privada de Paracatu para potencializar iniciativas de enfrentamento à pandemia existentes no município, bem como criar novas soluções e oportunidades de aliança. Com isso, o Programa Integrar Contra a Covid-19 foi organizado em torno das seguintes formas de atuação:

  • Frentes de escuta, acompanhamento e articulação de ações e iniciativas de diversos setores do município;
  • Articulação de ações e promoção de campanhas nos eixos de saúde preventiva, acesso e manutenção de direitos, cultura, educação e geração de trabalho e renda;
  • Plataforma eletrônica para potencialização, visibilidade, articulação e criação de oportunidades entre as iniciativas diversas, além de um repositório de informações confiáveis relacionadas às diversas áreas, bem como à própria pandemia de Covid-19.

Parceria, compartilhamento de conhecimentos, alianças solidárias e construção coletiva são palavras que norteiam as iniciativas de responsabilidade social da empresa e, portanto, também do Programa Integrar e de suas ações de enfrentamento à pandemia de Covid-19. Acreditamos que o desenvolvimento e as transformações necessárias devem ser realizadas através da convergências de forças da sociedade organizada para transformar o território num local mais solidário, responsável e plural.

Por isso, contamos com todas e todos nessa empreitada que depende da união de forças para o enfrentamento de um dos momentos mais graves da história de nossa geração. A soma dos nossos esforços enquanto sociedade será imprescindível para amenizar os efeitos negativos da pandemia e dar suporte para as pessoas que mais necessitarem de ajuda nos tempos desafiadores que temos pela frente.

Eixos

Diagnóstico

A realização do diagnóstico rápido com as lideranças e pessoas de referência das diversas áreas da administração pública, lideranças da sociedade civil, representantes do setor privado e setor cultural de Paracatu- MG foi o marco inicial do Programa Integrar Contra a Covid-19.

Era preciso escutar essas pessoas, entender profundamente o cenário e os desafios específicos da cidade de Paracatu, para só então desenvolver uma plataforma de ações que pudessem ajudar efetivamente no enfrentamento à pandemia no território. Além disso, pelo papel de articulação que o projeto deve assumir, nada mais coerente do que partir das ações já empreendidas na cidade, das ideias e opiniões coletadas junto a essas pessoas.

Pelo curto espaço de tempo e pela urgência em agir no cenário de pandemia, algumas pessoas importantes não foram ouvidas nesse momento, mas o serão no decorrer do projeto, já que a nossa escuta e trocas serão constantes.

Aqui neste espaço, gostaríamos de compartilhar alguns pontos importantes deste diagnóstico com vocês.

Perfil das pessoas entrevistadas

Lideranças e pessoas de referência das diversas áreas da administração pública, lideranças da sociedade civil, representantes do setor privado e setor cultural de Paracatu- MG.

Duração: 7 dias

Nº de pessoas entrevistadas: 70

Desafios da cidade na fase aguda da pandemia

  • Conscientizar a população de que a doença existe, é perigosa e de que isolamento social e medidas de higiene para prevenção são necessárias e dão resultado.
  • Equilibrar a proteção à vida das pessoas e a manutenção das atividades econômicas.
  • Atender a todas as pessoas em situações de vulnerabilidade, garantindo a segurança alimentar, higiene e renda.
  • Garantir o direito à educação, para crianças e adolescentes, em tempos de pandemia, descobrindo novos jeitos de ensinar e maneiras de manter o vínculo de estudantes, evitando evasão escolar.
  • Auxiliar na manutenção da saúde mental da população.
  • Criar novos caminhos e possibilidades de atuação para profissionais de diversos ramos.

Desafios da cidade pós-fase aguda da pandemia

  • Recriar rotinas e práticas sociais no contexto do novo normal, em diversos setores da sociedade.
  • Criar soluções para continuar gerando trabalho e renda.
  • Lidar com o agravamento da desigualdade social.
  • Lidar com o agravamento da desigualdade educacional.
  • Garantir assistência a pessoas em vulnerabilidade social, também neste momento.

O que já tem sido feito na cidade?

Pelo menos 30 iniciativas solidárias foram identificadas:

  • 12 na área de segurança alimentar
  • 10 na área de prevenção e saúde
  • 04 na área de geração de trabalho e renda
  • 02 na área de educação
  • 02 na área da cultura

Nossos objetivos com o programa Integrar Contra a Covid-19

  • Dar visibilidade e potencializar ações de iniciativas solidárias já existentes.
  • Promover a convergência de força e articulação entre diversos setores da sociedade local.
  • Ampliar a escuta e acompanhamento de ações, para gerar possibilidades de novas alianças, novas soluções.
  • Intervir positivamente no contexto da pandemia em Paracatu por meio de campanhas de mobilização social, programa de rádio educativo, campanhas midiáticas, fornecimento de informações sobre editais, parcerias, bem como de informações confiáveis sobre a própria pandemia do novo coronavírus.